OS CIDADÃOS E O PODER

OS CIDADÃOS CATÓLICOS PERANTE OS «ABUSOS» DO PODER

 Vivemos tempos conturbados, tempos em que os cidadãos estão, todos os dias, a sentir-se ameaçados pelo «Estado». Esta situação não é nova, já durante o “Estado Novo” assim acontecia, embora «O Estado», nessa época, vestisse outras roupagens. As estruturas oficiais da Igreja Católica, ao tempo, ou estavam mudas, ou apoiavam a “Situação”.

Após as eleições de 1958, a que concorreu Humberto Delgado, alguns católicos, foram tomando consciência da realidade, começaram a organizar-se. Daí resultou, em 1959, a elaboração de uma carta dirigida a Salazar, assinada por 45 católicos, e da qual Abel Varzim foi um dos signatários.

Aqui deixamos uma cópia dessa carta, para «que se não perca a memória»

2013, novembro